Cooperativa de Catadores não representa Risco

7xqaysb
Cozinheiro da mobilização
Cooperativa de Catadores não representa Risco

Está aberta consulta pública para o novo Procedimento de Abertura de Empresas em São Paulo. O objetivo é simplificar o processo, reduzindo de 90 para 5 dias o tempo para iniciar um empreendimento considerado de baixo risco na cidade.

As cooperativas de catadores não podem ficar fora dessa. Mas a atividade realizada pelas cooperativas de catadores não consta no Anexo Único e isso pode dificultar a abertura de novas centrais de triagem pela cidade. Precisamos que a atividade seja reconhecida como de baixo risco para viabilizar a meta de tornar São Paulo uma cidade referência em Coleta Seletiva Solidária.

Se milhares de pessoas enviarem nosso pedido ao órgão da prefeitura responsável pelo novo procedimento de abertura de empresas teremos muito mais chances de sermos atendidos e de contribuirmos para criação de uma cidade muito mais empreendedora e sustentável. Envie seu pedido preenchendo o formulário ao lado.

Para mais informações consulte o site da prefeitura aqui.

Deixe seu comentário

Opa, não era exatamente isso que você esperava…
Mas temos uma novidade : )

Nosso querido Panela de Pressão ajudou cidadãos e cidadãs a conquistarem vitórias importantes. Por isso, decidimos ir além: estamos desenvolvendo o  BONDE - uma ferramenta ainda mais completa, com várias funcionalidades para você mobilizar pessoas em torno das causas que acredita. Tudo o que você fazia aqui, vai poder fazer no  BONDE  - e muito mais!

Em breve, o  BONDE  vai começar a circular. Enquanto isso, você pode propor mobilizações para uma das equipes locais da Rede Nossas Cidades - é só preencher o formulário abaixo:

PREENCHER FORMULÁRIO

(Como nossa equipe é pequena, a gente não pode garantir que a mobilização vá ao ar, mas prometemos que a proposta vai ser estudada com o todo o cuidado - e, havendo condições de produzir, vamos entrar em contato com você pra construirmos juntos.)

Você também pode apoiar causas que já estão no ar! Dê uma olhada nas mobilizações abertas na Rede Nossas Cidades: