Essa campanha foi arquivada

Chega de Maus Tratos: respeitem os animais de tração do Recife!

No ar há mais de 1 ano em Meio Ambiente e Direitos dos Animais
Square logo mda
Cozinheiro da mobilização
Chega de Maus Tratos: respeitem os animais de tração do Recife!

Em pleno século XXI, o Recife ainda presencia diariamente a livre circulação de veículos de tração animal sem qualquer fiscalização de maus tratos. Percebendo a gravidade da situação, a atual gestão apresentou um Projeto de Lei que proíbe a circulação de veículos de tração animal na cidade. O projeto foi aprovado na Câmara dos Vereadores e sancionado pelo Prefeito Geraldo Julio ainda no final de 2013. No entanto, para que possa ser aplicada, a Lei 17.918/2013 precisaria ser regulamentada em até 120 dias após a sua aprovação, mas até hoje isso ainda não foi feito.

Durante a Audiência Pública realizada na Câmara dos Vereadores do Recife no dia 9 de dezembro de 2015, uma representante da Prefeitura, afirmou que "os movimentos dos carroceiros travaram o processo de regulamentação da Lei". Ou seja, a prefeitura preferiu continuar cúmplice dos casos crueldade e negligência contra os animais ao invés de negociar com os carroceiros, amparando-os e orientando-os a um modal que não fira os Direitos dos Animais e os mantenha exercendo o ofício que escolheram como seu sustento. Ficou claro que a falta de capacidade de articulação do poder público faz com que o problema - que é de saúde pública, mobilidade e social - continue sem solução!

Enquanto isso, cidadãos que participam de movimentos pelos Direitos dos Animais fazem boa parte do trabalho que a própria Prefeitura deveria fazer: resgatam quase que diariamente animais de grande e pequeno porte em situação de risco. Só em setembro de 2015, o MDA/PE - Movimento de Defesa Animal de PE recolheu 4 cavalos já moribundos das ruas do Recife.

O recifense não precisa mais assistir todos os dias as crueldades contra os animais de tração, pois esse meio de transporte ultrapassado não precisa mais existir em nenhuma metrópole do mundo! Não há dúvidas que o habitat ideal para cavalos é o rural e não uma cidade cheia de problemas urbanos como Recife. Os grupos mobilizados apresentaram a prefeitura na última audiência algumas políticas públicas utilizadas em outras cidades brasileiras onde os animais ganham mais dignidade e os carroceiros ficam mais estruturados para exercer sua profissão.

Vamos pressionar o Prefeito Geraldo Julio pela regulamentação da lei Nº 17.918/2013. Antes tarde do que nunca. Os animais precisam ter seus direitos garantidos e a atividade dos carroceiros precisa ser fiscalizada e estruturada sem eliminá-los de seu ofício! Todo e-mail mandado a partir dessa mobilização irá diretamente para a caixa de entrada do prefeito.

Cavalo agoniza por cerca de seis horas no Parnamirim

Recife proíbe circulação de carroças com tração animal nas ruas

No Recife, lei que proíbe carroça de tração animal passa a valer em março

Carroceiros protestam contra lei que proíbe circulação do veículo no Recife

Ativista socorre cavalos abandonados no Recife

Deixe seu comentário