Salve o Banks - a rampa de skate - Irajá!

No ar há mais de 3 anos em Esportes e Lazer
Square logo2
Cozinheiro da mobilização
 Salve o Banks - a rampa de skate - Irajá!

Há mais de uma década, o Banks de Irajá, uma pista de skate localizada na Praça Nossa Senhora da Apresentação, faz parte da vida da região do Grande Irajá. Depois de uma série de obras para a revitalização do espaço, o único equipamento deixado de lado foi a pista de skate, que hoje está em péssimas condições, esburacada, áspera e porosa.

A mesma praça chegou a receber uma Nave do Conhecimento e uma reforma no campo de futebol que fica a metros da pista, mas nunca houve nenhum cuidado com a nossa pista!

Todos os dias, centenas de jovens e crianças utilizam o espaço para esporte e lazer. A proximidade com a Nave e o campo de futebol aumenta o número de frequentadores da pista e aumenta ainda mais a importância de se manter uma pista conservada e segura para todos.

No mês de julho de 2013 criamos uma comissão de Skate com o objetivo de participar do processo de revitalização da pista e exigimos da Secretaria de Obras, da Fundação Parques e Jardins e da Rio Urbe um compromisso com a reforma do local com a participação dos frequentadores.

Em nome de todos os antigos e atuais colaboradores que revitalizaram o espaço público de lazer, rampa de skate da Praça Nossa Senhora da Apresentação em Irajá, estamos  atenciosamente  solicitando ao poder público uma atenção especial nesta carta de pedido. 

No dia 21 de junho, dia mundial do skate, fizemos uma visita técnica em um encontro com o grupo de skate e skatistas do Coletivo Briza, que resultou num dossiê. Nos prontificamos a colaborar com a reforma como necessário. 

Queremos uma reforma completa, interna e externa, que crie um banco em torno do Banks, alguns obstáculos para o esporte e o reparo para deixar o piso em torno da rampa liso, além da sinalização sobre o uso de bicicletas.

A revitalização será importante para o bairro e para a prática do esporte no Rio, tão defendido em outras áreas da cidade.

Deixe seu comentário